Mustafá Bucar

less is more

esse é o conceito que direciona o
trabalho de Mustafá Bucar.

Por admiração a Mies Van Der Rohe, os projetos desenvolvidos seguem um linha da escola modernista, que evolui do complexo para o simples.

Valendo-se da pureza dos elementos arquitetônicos, o trabalho objetiva uma fluidez espacial juntamente com uma autonomia de recintos, característica herdada do mestre mexicano Barragán. Essa linguagem purista é fruto de uma constante busca pela harmonia, mas antes disso, atende uma prerrogativa moderna, onde suprir a necessidade do cliente de maneira objetiva, passa a ser o caminho natural e desejável da arquitetura.

O escritório também desenvolve arquitetura de interiores e design de objetos para os próprios projetos, entendendo que a obra é um todo. Harmonia, espaços, volumes, cheios, vazios, luz, coerência formal, simplicidade, pureza – palavras que exprimem a linguagem de Bucar, onde a eliminação do supérfluo nos aproxima do essencial, que é a beleza pura.

buffo